Altominho.tv
MIGUEL OLIVEIRA/MUNICÍPIO DE PAREDES DE COURA

Escola do Rock volta a trazer concertos a Paredes de Coura

A residência intensiva da Escola do Rock de Paredes de Coura já arrancou e volta a trazer concertos ao centro desta vila, com atuações de bandas residentes que participaram este ano e em edições anteriores.

O evento arrancou este domingo, com os The Rebel Spirits, que a par dos Outsiders foram as bandas residentes selecionadas para a edição deste ano da Escola do Rock. Esta segunda-feira, pelas 21h00, é a vez do projeto O Bom, o Mau e o Azevedo, seguidos dos Outsiders (21h00) e Wicked Youth (21h30), na terça-feira, e dos Showcases da Escola do Rock, marcados para os dias 21 e 22, pelas 21h00.

Até sexta-feira, dia 23 de julho, a semana da Escola do Rock é preenchida com ensaios, workshops, sessões de cinema, jam sessions, showcases, demonstrações de instrumentos e concertos. Esta edição decorre nos moldes habituais nas salas da Caixa da Música, mas com a particularidade de os alunos serem divididos em turnos para cumprir as recomendações de prevenção da pandemia.

Já as duas bandas residentes terão à sua disposição espaços exclusivos para ensaio e a tutoria dos formadores desta incubadora de bandas, culminando com a gravação de um single e a apresentação de alguns concertos em diferentes contextos.

“A Escola do Rock é um projeto único onde a educação pela arte, neste caso pela música, assume uma dimensão maravilhosa e cativante. Estamos muito felizes e apenas lamentamos a redução das inscrições, atendendo à situação pandémica que atravessamos”, afirmou Vitor Paulo Pereira, presidente da Câmara de Paredes de Coura, entidade promotora desta iniciativa anual.

O autarca, citado no comunicado enviado à imprensa, garantiu que “os jovens, brevemente, terão mais oportunidades de participar nesta escola de sonho”.

Tour Vira Fest

Depois de uma semana de concertos em Paredes de Coura, a Escola do Rock vai iniciar uma pequena digressão por algumas cidades e vilas do Norte de Portugal e da Galiza.

O Vira Fest “permitirá à Escola do Rock apresentar-se em algumas cidades portuguesas e galegas, fazendo uso de um camião-palco, com cerca de 19 metros de frente e 13 de altura, com videowall integral”, adianta o município de Paredes de Coura.

Organizado em parceria com escolas de música locais das cidades e vilas por onde passa, este minifestival itinerante “pretende proporcionar uma experiência única aos alunos da Escola do Rock, dando-lhes a oportunidade de tocarem em contextos diversos e em condições singulares”.

Pretende ainda facilitar o acolhimento da escola por parte dos municípios, “uma vez que permite facilmente fazer concertos ao ar livre e em total segurança para o público e para os participantes”. “Invertemos a lógica dos grandes festivais e damos a oportunidade a jovens que estão a dar os primeiros passos no mundo da música de serem ‘cabeça de cartaz’”, sustenta a Câmara local.