Mostra “O Rio Minho é Vida” patente na Casa da Cultura até 13 de abril

A mostra “O Rio Minho é Vida”, composta por 45 fotografias e 17 esculturas de pesqueiras, está patente na Casa da Cultura de Melgaço para “dar a conhecer as emblemáticas construções, património cultural e paisagístico do Rio Minho”.

Segundo a Câmara de Melgaço, as fotografias pertencem ao espólio do município e as 17 esculturas das pesqueiras do rio Minho são da autoria do artesão Vicente López Martínez, de Arbo, na Galiza.

A exposição pretende dar a conhecer não só aquelas estruturas como as técnicas de pesca da lampreia.

Uma pesqueira e uma batela em tamanho real integram também a exposição, patente até dia 13 de abril.

As primeiras referências documentadas à origem da construção das pesqueiras do rio Minho datam do século XI.

Fonte: Lusa

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com