Altominho.tv

Câmara de Caminha informa passageiros do ferryboat sobre decisão da Xunta de Galicia no combate à COVID 19

O município de Caminha colocou um aviso a todos os utilizadores do Ferryboat Santa Rita de Cássia, que faz travessias diárias entre Caminha a A Guarda, acerca da última decisão da Xunta de Galicia no combate à COVID 19.

O aviso esclarece todos os passageiros que Portugal, nomeadamente o concelho de Caminha, continua a ser um Destino de confiança “ se pretender continuar em Portugal, mais particularmente no concelho de Caminha, queremos que saiba que a nossa gente, as nossas praias, a nossa paisagem, o nosso património e a nossa gastronomia, o vão acolher com a mesma simpatia e hospitalidade de sempre”, lê-se no aviso.

Na sequência da resolução de 27 de julho de 2020 da Direção Geral de Saúde Pública da Galiza publicada no Diário Oficial da Galiza e no site institucional do Xunta da Galicia, “no âmbito das medidas de combate à COVID 19, todos os viajantes, de todas as nacionalidades, provenientes de Portugal e tendo como destino a Galiza, devem comunicar os seus dados pessoais e local de residência no prazo de 24 horas após a sua chegada, através do preenchimento do formulário disponível no endereço https://coronavirus.sergas.gal/viaxeiros/ ou contactando o número de telefone 881002021”.

No documento está também escrito: “após a comunicação dos dados mencionados, as autoridades galegas partilharão um conjunto de informações úteis e recomendações sanitárias ao viajante e facultarão um contacto telefónico que poderá ser utilizado no caso de haver algum indício da existência da doença ou sintomatologia associada”.

Os trabalhadores portugueses na Galiza só terão de fazer o registo decretado para todos os visitantes de Portugal àquela região da primeira vez que cruzarem a fronteira, explicou o responsável do Serviço Galego de Saúde. António Campa.