Altominho.tv

Deputado do PS pede ao Governo a abertura do concurso para concessão da antiga Pousada D. Dinis

O deputado do PS eleito por Viana do Castelo, José Manuel Carpinteira, afirmou hoje ter pedido ao novo ministro Adjunto e da Economia para avançar com o lançamento do concurso público para a concessão dos edifícios da antiga Pousada D. Dinis, inseridos no Castelo de Vila Nova de Cerveira.

Em comunicado, o ex-autarca de Vila Nova de Cerveira refere que o pedido foi feito durante uma audição a Pedro Siza Vieira, no âmbito da discussão do Orçamento do Estado para 2019.

José Manuel Carpinteira lembrou que o imóvel “está devoluto há vários anos e em crescente degradação” e que apesar de ter sido incluído na primeira listagem do REVIVE, “uma relevante iniciativa deste Governo com o objetivo de promover a requalificação de imóveis do Estado, devolutos e com elevado valor patrimonial, cultural e histórico, rentabilizando-os para fins turísticos, a favor do país e, em particular, das regiões abrangidas”, o concurso público acabou por ainda não ser lançado.

Em resposta, o governante informou que existem ainda algumas questões locais por resolver, mas o lançamento do concurso poderá ocorrer até junho de 2019.

O deputado questionou ainda Siza Vieira sobre a possibilidade de um reforço de verbas para a cooperação transfronteiriça. “Os 10 municípios do Alto Minho e 16 da Galiza constituíram o Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial (AECT) do rio Minho, com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento socioeconómico e da coesão desta região de fronteira”, recordou, questionando, se para além da vontade política, se prevê um reforço de verbas para a cooperação transfronteiriça, nomeadamente para o AECT do rio Minho.

O secretário de Estado da Valorização do Interior revelou que está previsto um reforço dos apoios.

José Manuel Carpinteira revelou ainda que felicitou o Governo por apresentar, neste Orçamento, algumas medidas estratégicas para valorizar o interior do país.

“Para além dos programas de apoio à valorização do interior acresce que as empresas que queiram instalar-se em territórios com pouca população passarão a contar com uma ‘via verde’ para investir”, defendeu o deputado, sublinhando que “é uma boa forma de apoiar o esforço das empresas”.

Redes Sociais

Mais de 50.000 pessoas acompanham a Altominho.tv nas principais redes sociais. Junte-se à nossa comunidade no Facebook, Twitter, Youtube e Instagram.
Acompanhe-nos nesta viagem pelo Alto Minho!