Altominho.tv

Primeiro navio-cruzeiro 100% livre de emissões poluentes vai ser construído em Viana

Os estaleiros navais da West Sea, em Viana do Castelo, foram os escolhidos pela empresa norueguesa de turismo Northern Xplorer, para a construção do primeiro navio que irá navegar sem qualquer emissão poluente.

De acordo com um artigo do jornal ´O Minho’, assinado pelo jornalista Fernando André Silva, o navio será construído nos Estaleiros Navais de Viana do Castelo, deverá ficar concluído até 2026 e terá capacidade para 250 passageiros.

“Este é um novo passo na nossa jornada em direção à descarbonização zero no mundo dos cruzeiros e estamos entusiasmados por embarcar neste projeto excitante com a West Sea”, disse André Sandvik, CEO e fundador da Northern Xplorer.

Já o gestor da West Sea, Vítor Figueiredo, citado na mesma nota, manifestou-se orgulhoso com a escolha dos noruegueses: “Estamos orgulhosos em liderar um projeto tão inovador com tecnologia avançada e de altos padrões, que terá um impacto mínimo no ambiente”, considerou.

A propulsão do barco será completamente elétrica, trabalhando também com combustível de hidrogénio.

O fabricante deste sistema, a ABB Marina, através do vice-presidente Jorulf Nergard, manifestou entusiasmo por poder contribuir para um “projeto pioneiro que visa provar a viabilidade de operações de cruzeiros sem emissão de carbono”.

Este projeto poderá ser uma importante mudança de paradigma na indústria de cruzeiros nos mares do Norte, indo ao encontro da decisão da Noruega em banir os navios alimentados a óleos fósseis até 2026.