Altominho.tv

Vereadora da Educação da Câmara de Monção renuncia ao cargo

A vereadora com os pelouros da Educação, Juventude e Recursos Humanos na Câmara de Monção, Natália Rocha, renunciou ao cargo e regressou à docência, alegando motivos de ordem pessoal.

O presidente da autarquia, António Barbosa, explicou à Lusa que “o pedido de renúncia foi apresentado há cerca de duas semanas e que hoje, oficialmente, foi transmitido ao executivo municipal em reunião camarária”.

“Esta foi a primeira reunião camarária após o pedido de renúncia e em que comunicámos aos elementos do executivo que a vereadora Natália Rocha decidiu deixar os cargos que exercia na autarquia e voltar às funções que exercia antes de entrar na política, regressando à escola onde é professora”, disse.

O autarca social-democrata, que cumpre primeiro mandato autárquico, adiantou que os pelouros da Educação, Juventude e Recursos Humanos estão a ser, atualmente, exercidos pelo vice-presidente da autarquia, João Oliveira, até à tomada de posse do novo vereador.

“A vereadora Natália Rocha meteu 30 dias de férias e, por isso, a tomada de posse do novo vereador só poderá acontecer quando esse período terminar. Nesse sentido, a composição do executivo municipal fica como está”, especificou.

António Barbosa acrescentou que o novo vereador que assumirá o cargo “não ficará em regime de tempo inteiro”, e adiantou que será o elemento que se segue na lista que concorreu às autárquicas de 2017.

A Lusa tentou, mas sem sucesso, falar com Natália Rocha, de 48 anos. A até agora vereadora na autarquia é licenciada em Química (1995) pela Faculdade de Ciências do Porto. Após a sua formação, regressou a Monção para dar início à sua atividade profissional, que se prolonga há mais de duas décadas, como professora do agrupamento de escolas.

O atual executivo municipal é composto por quatro elementos do PSD e três do PSD.