Altominho.tv

Iniciadas obras de requalificação do centro histórico de Caminha

O centro histórico de Caminha começou esta segunda-feira a ser requalificado, num investimento inicial de cerca de 340 mil euros.

Em comunicado, a Câmara de Caminha explicou que a obra, realizada no âmbito do programa Norte 2020, está dividida em duas grandes fases e prevê “a renovação de todas as infraestruturas e redes públicas, o que incluirá a rede de drenagem de águas residuais, pluviais e abastecimento, e a rede de distribuição de gás natural”.

Segundo o município, esta primeira intervenção vai decorrer “entre a Praça de Espanha e a Travessa de S. João, estendendo-se posteriormente ao longo de toda a Rua Ricardo Joaquim de Sousa (Rua Direita), Travessa do Tribunal e largos dos Combatentes e Fetal Carneiro”.

Na Rua de S. João, acrescenta a nota, “o propósito é a reabilitação da dinâmica comercial desta artéria, desde o edifício das Finanças até ao encontro com a Rua Visconde Sousa Rego”. Na Rua Ricardo Joaquim Sousa e na Travessa do Tribunal “está em causa uma intervenção nos dois eixos do núcleo histórico que assumem maior vivência, com vista à renovação e qualificação urbana”.

No Largo dos Combatentes, os trabalhos “visam a recuperação da importância e do papel daquele largo, face à localização privilegiada (charneira), destacando a intenção de promover a condição de espaço de encontros e fixação de atividades, e a de induzir a reabilitação dos imóveis situados na área de influência do largo”.

Já a intervenção no Largo Dr. Luís Fetal Carneiro “visa a qualificação do espaço público”, especificou o município.

De acordo com a autarquia, “o centro histórico de Caminha, numa área de 10,37 hectares, vai sofrer uma profunda intervenção, num investimento já garantido de cerca de 800 mil euros, a que poderá acrescer a ação dos particulares em matéria do edificado de que são proprietários, uma vez que estão disponíveis importantes incentivos financeiros e fiscais”.

Redes Sociais

Mais de 50.000 pessoas acompanham a Altominho.tv nas principais redes sociais. Junte-se à nossa comunidade no Facebook, Twitter, Youtube e Instagram.
Acompanhe-nos nesta viagem pelo Alto Minho!