Altominho.tv

Conheça todos os dados do processo de vacinação no Alto Minho

A Unidade Local de Saúde do Alto Minho (ULSAM), disponibilizou todos os dados do processo de vacinação. Até ao momento, 10.299 utentes já receberam a vacinação completa, de acordo com o “Relatório da Vacinação COVID-19 no Alto Minho” ontem divulgado. 

Os dados compilados das inoculações documentadas, situam-se entre os dias 27 de dezembro de 2020 (data em que iniciou o processo de vacinação no Alto Minho), e 28 de março. O número de pessoas com vacinação completa representa 4% de todos os utentes daquela unidade de saúde.

O mesmo boletim aponta para 33.083 pessoas com apenas a primeira dose da vacina, o que representa 13% da população inscrita.
ULSAM

Numa análise do processo de vacinação por concelhos, verifica-se que Melgaço e Ponte da Barca são os que tem a maior percentagem de população vacinada na primeira dose. Segundo o relatório da ULSAM, Melgaço já vacinou 17,8% da população com a primeira dose. Em Ponte da Barca, 16% já foi vacinada com a primeira dose. Paredes de Coura é o concelho que tem a maior percentagem de vacinação completa, 7%.

ULSAM

A ULSAM revela em todo o Alto Minho, a percentagem de população que já tomou a primeira dose: Melgaço (17,8%), Ponte da Barca (16%), Monção (15,5%), Paredes de Coura (15,2%), Arcos de Valdevez (14,4%), Caminha (14,3%), Cerveira (14,2%), Valença (12,4%), Viana (11,8%) e Ponte de Lima (10,9%).

Já em termos de percentagem de população com vacinação completa, estão assim os números: Paredes de Coura (7%), Ponte da Barca (6%), Melgaço (5,9%), Caminha (4,9%), Arcos de Valdevez (4,7%), Cerveira (4,6%), Valença (4,4%), Monção (4,4%),  Viana (3,3%) e Ponte de Lima (3%).

ULSAM

No total, foram recebidas 42.386 doses e administradas 43.382 (a diferença entre o número de doses recebidas é justificada pela possibilidade de retirada de mais de 1 dose dos frascos da vacina).