Altominho.tv

Vítor Paulo Pereira diz que novas restrições são “moderadas”

O presidente da Câmara de Paredes de Coura classificou de “moderadas e aceitáveis” as novas restrições hoje anunciadas para 121 concelhos por causa da pandemia e apelou à “mudança de comportamentos” para evitar medidas “mais drásticas e dramáticas”.

Nesta altura, são medidas moderadas e aceitáveis, mas se não mudarmos os nossos comportamentos poderão ser tomadas medidas mais drásticas e dramáticas“, afirmou Vítor Paulo Pereira.

Cento e vinte e um municípios vão ficar abrangidos, a partir de quarta-feira, pelo dever cívico de recolhimento domiciliário, novos horários nos estabelecimentos e teletrabalho obrigatório, salvo “oposição fundamentada” pelo trabalhador, devido à covid-19, anunciou hoje o primeio-ministro, António Costa.

“Se não mudarmos os nossos comportamentos podem ter a certeza de que vamos ter Páscoa no Natal. Lembram-se?”, questionou Vítor Paulo Pereira.

O autarca de Paredes de Coura adiantou que “nos últimos 15 dias o concelho teve um aumento considerável de casos de covid-19, situação que contrasta com a de meses anteriores“.

“Sempre dissemos que Paredes de Coura vivia uma situação de aparente ou falsa segurança e que as pessoas deveriam continuar vigilantes porque não existem soluções mágicas para controlar esta pandemia. E basta um pequeno descuido para atingirmos níveis de contágio elevados”, referiu.

Dos dez concelhos do distrito de Viana do Castelo, seis integram a lista nacional de 121 concelhos considerados de risco elevado.

Além de Paredes de Coura, a medida abrange os concelhos de Viana do Castelo, Valença, Ponte de Lima, Vila Nova de Cerveira e Caminha.

“As gerações anteriores passaram por guerras e catástrofes e souberem resistir. A nós pedem-nos para usarmos máscara, lavar as mãos e evitar ajuntamentos e queixamo-nos. Temos de ser disciplinados, organizados e ter um grande sentido de comunidade que começa em cada um de nós”, apelou Vítor Paulo Pereira.

Para definir a lista dos 121 municípios, foram incluídos os concelhos com mais de 240 casos de infeção com o vírus da covid-19 por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias.