Altominho.tv
FREEPIK

Câmara de Caminha investe mais de 800 mil euros na Educação

A Câmara de Caminha anunciou que vai investir, no ano letivo 2020/2021, mais de 800 mil euros em transportes e refeições escolares, atividades de animação e apoio à família, aquisição de livros de fichas para os alunos do 1º ciclo, beneficiários de ação escolar, higienização e limpeza dos estabelecimentos de ensino e aquisição de máscaras para o pessoal não docente.

Em comunicado, a autarquia adianta que “os transportes escolares são uma das grandes preocupações do executivo”.

“De acordo com as recomendações da Direção-Geral da Saúde, o transporte de cada criança deverá ser feito preferencialmente pelo encarregado de educação. Contudo, o executivo sabe que, em muitos casos, essa é uma tarefa impossível. O investimento previsto ronda os 450 mil euros. No entanto, e tendo em atenção que cada viatura só pode transportar 2/3 da sua capacidade máxima, o que implicará um acréscimo do número de viagens diárias, estima-se que a despesa nesta área possa vir a duplicar”, lê-se na nota enviada à imprensa.

Os transportes escolares serão realizados através de transporte públicos, contratos interadministrativos entre a Câmara Municipal e a Juntas e Uniões de Freguesias de Âncora, Dem, Riba de Âncora, Gondar e Orbacém, Moledo e Cristelo, Venade e Azevedo, e através de um subsídio à Associação de Danças e Cantares Genuínos da Serra d´Arga.

Nas refeições escolares, o investimento ronda os 300 mil euros, que se distribuem na aquisição de bens alimentares, no protocolo aprovado com o Centro Social e Paroquial de Moledo no âmbito da educação e para fornecimento de refeições escolares aos alunos do primeiro ciclo do ensino básico e na distribuição das refeições pelos vários estabelecimentos de ensino. Devido à pandemia de Covid-19, a autarquia refere que “houve um investimento acrescido na aquisição de cuvetes, já que está previsto os alunos que não tiverem aulas no período da tarde poderem requerer a refeição em regime take away“.

No que respeita às atividades de animação e apoio à família nos jardins de infância e componente de apoio à família no 1º ciclo, o investimento previsto é de 46 mil euros. Nesta área, foram aprovados um contrato interadministrativo entre Câmara de Caminha e a União de Freguesias de Moledo e Cristelo, no âmbito educação e para atividades de animação e apoio à família, e um protocolo entre a Câmara e o Centro Social e Paroquial de Âncora, ainda no âmbito da educação e do desenvolvimento das atividades de animação e apoio à família.

Outra das medidas do município passa pela oferta de livros de fichas a todos os alunos do 1º ciclo, beneficiários de Ação Social Escolar.

O concelho vai ainda contar com novos equipamentos escolares, num investimento que ronda os 5,5 milhões de euros e que diz respeito à requalificação e ampliação da Escola Secundária Sidónio Pais e ampliação da Escola Básica e Secundária de Vila Praia de Âncora e Espaços de Integração para o Ensino Articulado.

Em tempos de pandemia, a autarquia prevê um maior investimento na área da higienização e limpeza dos estabelecimentos de ensino do agrupamento e aquisição de máscaras para o pessoal não docente. As máscaras para os alunos a partir do 5º ano e para o pessoal docente são da responsabilidade do Ministério de Educação.