Altominho.tv

Vídeo retrata “garra e força” do povo de Viana do Castelo e da Romaria D’Agonia

A academia de dança Arte em Movimento, de Viana do Castelo, lançou esta segunda-feira um vídeo, que retrata a “garra e força” do povo vianense e recorda a Romaria D’Agonia, este ano apenas festejada em formato virtual devido à pandemia de Covid-19. 

Em declarações à Altominho TV, Susana Domingues explicou que o vídeo surgiu “motivado e inspirado pela constante vontade de criar arte e de nos reinventarmos a cada dia, não só pela atual conjetura que estamos a ultrapassar, bem como pela vontade diária de fazer mais e melhor”.

A diretora artística da academia de dança desafiou a equipa a criar um novo projeto a partir de uma produção musical. “A mensagem de força e de “vamos manter-nos de pé” inerente nela foi o mote perfeito para iniciarmos esta jornada”, especificou.

Além de “demonstrar que a arte está viva e pode ser sentida e percecionada sem qualquer limite”, o vídeo “STAND UP”, que já se tornou “viral” nas redes sociais, pretende “transmitir uma mensagem de força para todos os vianenses, que este ano não saem à rua para festejar aquela que é para nós a maior romaria de Portugal”.

“Faço das palavras da Câmara Municipal de Viana do Castelo as nossas: o vídeo é uma forma de sentir as Festas d’Agonia”, afirmou a mentora do projeto.

O vídeo, com imagem e edição de André Cardoso e coreografia de Cristiana Neto, contou com ainda com a participação do Grupo Etnográfico de Castelo do Neiva, do Rancho Folclórico das Lavradeiras de Vila Franca e da vereadora da Câmara de Viana do Castelo, Carlota Borges.

A cidade de Viana do Castelo não vai festejar nas ruas, pela primeira vez em 248 anos, os números emblemáticos da Romaria dAgonia devido às restrições impostas pela pandemia de Covid-19. Este ano, as Festas dAgonia, marcadas de 19 a 23 de agosto, “vão ser sentidas em formato digital, através de um sítio oficial na Internet, nas redes sociais, mas também através da rádio e da televisão, além de exposições em ruas emblemáticas da cidade com fotografias dos diferentes icónicos quadros da festa”.