Altominho.tv

Câmara de Cerveira aprova abertura de concurso para 2ª fase da requalificação da Escola Básica e Secundária

A Câmara de Vila Nova de Cerveira aprovou, por unanimidade, a abertura do concurso público para a segunda fase da empreitada de requalificação da Escola Básica e Secundária do concelho.

Segundo uma nota enviada esta quinta-feira à imprensa, as obras têm “um prazo de execução de 15 meses” e é objetivo da autarquia que “os trabalhos avancem no terreno até ao final do corrente ano, dada a dimensão e a importância da obra no seio da comunidade escolar”.

A segunda fase da requalificação da escola básica e secundária prevê a “construção de raiz de um edifício designado como Centro de Recursos composto por biblioteca/auditório para capacidade para 119 lugares sentados, a construção de um edifício de apoio ao ensino articulado de música, a ampliação do espaço de refeitório, a cobertura dos corredores de circulação e dos espaços de recreio exteriores, o reforço das condições de segurança e de acessibilidades, bem como a adaptação à eficiência energética”.

De acordo com o município, “para fazer face a alguns problemas imediatos de segurança e de comodidade, a Câmara Municipal concretizou, em 2018, uma primeira fase de requalificação”. Os trabalhos incidiram na retirada de todo o amianto, na construção da nova portaria na entrada sul e na melhoria das condições de conforto térmico, através da implementação de um sistema de isolamento pelo exterior.

Nas duas intervenções, o investimento global deve rondar os três milhões de euros, com um financiamento, na primeiro fase, de cerca de 92 mil euros do FEDER e de oito mil euros do Ministério da Educação e, na segunda fase, de 1,2 milhões de euros do FEDER e de cerca de 106 mil euros da tutela, cabendo à Câmara Municipal suportar a restante verba necessária.

Construída em 1991, a Escola Básica e Secundária de Vila Nova de Cerveira conta, atualmente, com cerca de 600 alunos.