Altominho.tv
MAPIO

Centros de saúde de Caminha, Melgaço, Valença e Arcos de Valdevez sem prolongamento de horário a partir de 2ª feira

A Unidade Local de Saúde do Alto Minho (ULSAM) anunciou, este sábado, o encerramento da atividade de prolongamento de horário nos centros de saúde de Caminha, Melgaço, Valença e Arcos de Valdevez.

Em comunicado, a ULSAM explica que a medida em vigor a partir de segunda-feira é aplicada no âmbito do Plano de Contingência Covid-19 e considera a “reorganização dos recursos humanos e materiais afetos à prestação de cuidados de saúde no SNS”.

Segundo a unidade de saúde, “urge aplicar medidas de mitigação que garantam a sua adequação e sustentabilidade”.

“Neste contexto, determina-se, a partir do dia 23 de março de 2020, o encerramento da atividade de prolongamento de horário nos Centros de Saúde de Caminha, Melgaço, Valença e Arcos de Valdevez, a funcionar todos os dias úteis das 20h00 às 24h00”, refere aquela nota.

Relativamente ao atendimento complementar, que se realiza ao sábado e domingo em todos os centros de saúde – com exceção de Ponte de Lima e Monção, que não têm este serviço -, a ULSAM adianta que o horário será reduzido para doze horas diárias, decorrendo das 8h00 às 20h00.

“Pretende-se com estas medidas evitar a exaustão dos profissionais de saúde e otimizar a gestão de recursos materiais”, conclui.