Altominho.tv
OLHAR VIANA DO CASTELO

Parque de estacionamento gratuito junto ao Gil Eannes perde 80 lugares

O parque de estacionamento gratuito, situado na envolvente do navio Gil Eannes, em Viana do Castelo, vai perder 80 lugares devido à empreitada de requalificação em curso naquela zona ribeirinha.  O presidente da Câmara de Viana do Castelo justificou a redução com a criação de um espaço verde, com cerca de 80 metros quadrados.

A informação foi avançada por José Maria Costa, em resposta a um pedido de esclarecimentos dos vereadores do PSD. Hermenegildo Costa e Paula Cristina Veiga perguntaram ao autarca “que espaço e área estão destinados a zonas verdes e a estacionamento gratuito e se se mantém o mesmo número de lugares de estacionamento”.

O autarca respondeu que o espaço verde a ser criado “é uma área relativamente pequena face à extensão da área disponível para estacionamento”.

“Serão eliminados naquela zona frontal ao navio, cerca de 80 metros, serão cerca de 80 viaturas que deixarão de poder estacionar, mas ficarão mais de dois terços da área disponível para futura utilização como parque de estacionamento”, adiantou.

Com esta intervenção, José Maria Costa afirma que se “pretende dar mais dignidade ao espaço onde está instalada a estátua do navegador vianense João Álvares Fagundes e onde será colocado um futuro memorial de homenagem aos pescadores do bacalhau”.

O investimento de 150 mil euros inclui “arranjos exteriores em frente ao navio Gil Eanes, com a criação de uma série de percursos para automóveis e peões, assim como de extensas zonas verdes”.

A intervenção incidirá desde a estátua de João Álvares Fagundes até à proa do navio Gil Eannes, atracado há 20 anos na antiga doca comercial de Viana do Castelo, desde que foi resgatado da sucata e transformado em museu.

Segundo o município, a intervenção, integrada no Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) do Portugal 2020, pretende “ordenar o espaço público e qualificá-lo com a oferta de melhores zonas de fruição para o público, assim como criar uma faixa verde ordenada, paralela ao rio Lima”.

Redes Sociais

Mais de 40.000 pessoas acompanham a Altominho.tv nas principais redes sociais. Junte-se à nossa comunidade no Facebook, Twitter, Youtube e Instagram.
Acompanhe-nos nesta viagem pelo Alto Minho!