Altominho.tv

Obras de saneamento rondam os 640 mil euros e estão em fase de conclusão em Vilarelho e Venade

No âmbito das Águas do Alto Minho (ADAM), foi realizada a instalação e renovação de infraestruturas em várias freguesias do concelho de Caminha, num investimento que ronda os 640 mil euros. A empreitada está em fase de conclusão em Vilarelho e Venade, anunciou hoje a autarquia em comunicado.

O presidente da Câmara Municipal de Caminha, Rui Lages, acompanhou os trabalhos em duas artérias das freguesias de Vilarelho e de Venade. No que concerne à Rua dos Carvalhos, em Vilarelho, “foi necessário um esforço adicional por parte da Câmara, para reabilitar a rua, e assim poder proceder-se à pavimentação na totalidade da artéria”, refere a nota enviada.

Os trabalhos da empreitada designada como “Expansão da rede de drenagem de águas residuais – Município de Caminha”, inserida na Candidatura POCI-07-62H1-FEDER-181422/ aviso 05/REACT-EU/2021, estão a chegar ao fim. O objetivo do projeto “consiste na ampliação de rede de drenagem de águas residuais domésticas em vários arruamentos do município de Caminha e na disponibilização do serviço de saneamento à população, contribuindo para a proteção do ambiente e promoção da eficiência dos recursos hídricos”, lê-se também no comunicado.

Os arruamentos visitados por Rui Lages, em que estão a decorrer trabalhos de pavimentação, foram a Rua dos Carvalhos e a Rua do Olheiro, na freguesia de Vilarelho, e a Rua das Fornas, na freguesia de Venade. A empreitada “contempla a instalação de cerca de 3800 metros de rede de drenagem de águas residuais domésticas, 120 ramais domiciliários e quatro estações elevatórias”.

O valor total do investimento é de 639.849,86 euros e engloba as freguesias de Seixas, Venade, Vilarelho, Vile e Vila Praia de Âncora.