Altominho.tv

Arcos investe 330 mil euros na limpeza de espécies invasoras

O Município de Arcos de Valdevez tem em curso um projeto no valor de 331 153,28 euros para efetuar a limpeza de espécies invasoras.

Segundo a autarquia, esta ação “contribuirá para o aumento da Biodiversidade a diminuição da erosão, pela incorporação no solo, dos restos lenhosos, resultantes das intervenções silvícolas; motivar os proprietários para a limpeza dos espaços florestais e potenciar o caráter multifuncional dos espaços florestais”.

Através deste projeto está a ser feito o corte de plantas invasoras, a remoção de vegetação, o tratamento químico e arborização, a redução de densidades, desramações, controlo da vegetação espontânea manual e mecânica e redução de densidades em povoamento jovem.

Estas ações vão ser implementadas em 17 freguesias, nomeadamente Ázere, Cabana Maior, Cabreiro, Cendufe, Miranda, Monte Redondo, Prozelo, Rio de Moinhos, Rio Frio, Sabadim, Soajo, Vale, União de Freguesias de Álvora e Loureda, União de Freguesias de Arcos de Valdevez (Salvador), Vila Fonche e Parada, União de Freguesias de Eiras e Mei, União de Freguesias de Portela e Extremo e União de Freguesias de São Jorge e Ermelo.

Este projeto resulta de uma candidatura ao PDR2020 – Programa de Desenvolvimento Rural 2014-2020 para efetuar a instalação de cerca de 191.389 ha de Mosaicos de Parcelas de Gestão de Combustível, que se encontram integrados no Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios e respetiva Rede Regional de Defesa da Floresta, e efetuar o Controlo de Invasoras Lenhosas.