Altominho.tv

Arcos de Valdevez investe mais 360 mil euros para melhorar rede viária

A Câmara de Arcos de Valdevez consignou duas empreitadas, com um montante global superior a 360 mil euros, que visam a reabilitação, construção e beneficiação de vias municipais de várias freguesias do concelho.

Em comunicado, a autarquia adianta que um investimento de 308.457,49 euros tem como objetivo a execução de três intervenções em Gondoriz, Vilafonche, Guilhadeses, Oliveira e Couto.

A obra no Caminho de Ligação do Pontão de Pogido à Estrada Nacional (EN) 101 visa “a execução de um caminho alternativo ao atual Caminho Municipal 1294 que permita a melhoria das condições de circulação automóvel”, refere o município, acrescentando que o projeto “prevê a implantação de um caminho com cinco metros de perfil transversal total em betuminoso e bermas/valetas a delimitar a área e a instalação de conduta de abastecimento de água ao longo do traçado do caminho”.

Na freguesia de Couto está prevista a requalificação do Caminho da Estivada e Bouça, com vista ao alargamento e melhoria da qualidade da circulação rodoviária. A intervenção inclui a construção de um novo arruamento, por forma a beneficiar e permitir a circulação viária de veículos ligeiros e pesados.

Já na freguesia de Oliveira “pretende-se a requalificação de caminhos municipais em Oliveira, garantindo a circulação de veículos em condições de comodidade e segurança”.

Uma outra empreitada consignada pela Câmara Municipal, no valor de 52.120,42 euros, contempla a construção de muros de suporte a executar em seis freguesias, “necessários para garantir a estabilidade da plataforma em diversos locais da rede viária municipal, bem como alargamentos pontuais para beneficiação”.

“Este investimento é realizado a pensar na segurança rodoviária e na qualidade de vida das pessoas do concelho”, destaca a nota da autarquia.