Altominho.tv

Câmara de Caminha deverá manter apoio excecional aos concessionários na próxima época balnear

A Câmara de Caminha deverá manter o apoio excecional aos concessionários na próxima época balnear, privilegiando a segurança da população e visitantes e o auxílio à economia local.

Em comunicado, o município adiantou que “na época balnear de 2020, entre outros custos, suportou metade do valor gasto pelos concessionários com os nadadores-salvadores, num montante que rondou os 36 mil euros”.

“No início da última época balnear, foi assumido perante os concessionários que o município comparticiparia os custos com os nadadores-salvadores”, refere o vice-presidente da Câmara de Caminha, Guilherme Lagido, citado na nota.

Trata-se de uma decisão que acontece “no quadro das medidas excecionais e como forma de apoio à manutenção da atividade económica desta área”, disse, acrescentando que, “próximo verão, a pandemia influenciará ainda a época balnear” e “a Câmara deverá manter o apoio excecional aos concessionários”.

Na nota, a autarquia adianta que, na passada época balnear, foram ainda implementadas mais medidas de apoio devido à pandemia, nomeadamente, a colocação de sinalética nos acessos aos areais no âmbito dos procedimentos de prevenção da pandemia, reforço dos painéis informativos, instalação de dispensadores de solução desinfetante de mãos em todas as entradas das praias, implementação de três equipas de praia para desenvolver ações de sensibilização e realização de diversos trabalhos de manutenção de passadiços e gradeamentos, entre outras.