Altominho.tv

Mais de 800 lâmpadas LED entregues a famílias dos bairros sociais de Cerveira

A Câmara de Vila Nova de Cerveira entregou, esta segunda-feira, 871 lâmpadas LED a cerca de 50 agregados familiares residentes nos três bairros sociais do concelho.

Em comunicado, a autarquia adianta que, depois de realizado o levantamento das necessidades de cada uma das 50 habitações do Bairro Social da Mata Velha, do Bairro da Calçada e do Bairro Alto das Veigas, foram agora entregues aos moradores conjuntos de substituição das lâmpadas de halogéneo, incandescentes e fluorescentes por lâmpadas LED, de maior eficiência e ambientalmente mais amigáveis.

O presidente da câmara, Fernando Nogueira, realçou a dupla importância desta iniciativa que, por um lado “permite a poupança no consumo de energia com reflexos na fatura”, e por outro lado, “o contributo para o ambiente, por serem produtos isentos de mercúrio, podendo ser reciclados, e que ajudam a controlar as emissões de gases com efeito de estufa”.

“Hoje em dia, temos a obrigação moral de deixar um bom futuro para as próximas gerações, daí que esta consciencialização ambiental deve ser seguida com muito entusiasmo”, acrescentou.

O Projeto LED Social resulta de uma candidatura aprovada e financiada pelo Plano de Promoção da Eficiência no Consumo de Energia Elétrica (PPEC), pela ERSE, tendo como promotor a AREA Alto Minho – Agência Regional de Energia e Ambiente do Alto Minho.

A Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira recorda ainda, na nota enviada à imprensa, que “tem vindo a promover a eficiência energética no concelho, estratégia que contribuiu para, em 2018, lhe ser atribuído o primeiro lugar na categoria ‘Eficiência Energética e Renováveis no setor público’, ex-aequo com o Município de Ponte da Barca, no âmbito do Prémio “Excelência Energético-Ambiental no Alto Minho” dinamizado pela AREA – Alto Minho”.

Ao investimento municipal de substituição das luminárias incandescentes existentes no Terreiro por tecnologia LED, junta-se também a instalação de lâmpadas LED na iluminação pública em 12 das 15 freguesias do concelho, com recurso a fundos comunitários, num investimento municipal superior a 500 mil euros que já se traduz numa poupança anual na ordem dos 80 mil euros. Neste momento, e de forma a concluir esta aposta, fica a faltar a intervenção na União de Freguesias de Vila Nova de Cerveira/Lovelhe, e em Reboreda.

A autarquia tem como prioridade “dotar os edifícios públicos municipais de tecnologia LED, com uma redução na fatura da energia estimada em 56%”. A próxima intervenção decorrerá no edifício da Câmara Municipal.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.