Altominho.tv

Centenária Feira de Artesanato volta ao Jardim Público de Viana do Castelo em Agosto

A Feira de Artesanato da Romaria da Senhora d’Agonia vai voltar a realizar-se
presencialmente em Viana do Castelo, de 07 a 22 de agosto deste ano, depois da
interrupção em 2020 devido à pandemia de covid-19. A entrada no recinto da feira será
controlada e condicionada; a feira deste ano destina-se exclusivamente a artesãos do
concelho.


De acordo com o regulamento da feira, disponível no site oficial em
www.festasdagonia.com , esta volta a realizar-se no Jardim Público, promovida pela
VianaFestas e pela Comissão de Festas da Romaria da Senhora d’Agonia; as inscrições
dos artesãos, de caráter obrigatório, vão decorrer de 09 a 30 de junho.
“O acesso do público vai continuar a ser gratuito, mas terá entrada condicionada ao
número máximo de pessoas no local, tendo em conta as regras de proteção sanitária
em vigor. Mas o facto de podermos fazer a Feira de Artesanato de forma presencial já
é muito importante”, assume António Cruz, presidente da Comissão de Festas.


A feira deste ano tem a particularidade de ser destinada à exposição de trabalhos de
artesãos exclusivamente do concelho de Viana do Castelo e obriga a que todos os
artigos expostos apresentem “no mínimo 50% de trabalho artesanal/manual” no seu
produto final.


Durante a feira, para garantir a autenticidade dos produtos, em termos de bordados, só
será permitida a exposição e comercialização de peças feitas manualmente, enquanto
que na filigrana apenas a utilização de peças certificadas como tal, em metal precioso
ou não precioso, e todas as imitações de filigrana serão excluídas.


“Temos noção da importância desta feira para os nossos artesãos, sobretudo depois
das dificuldades de um ano como o de 2020, e por isso, este ano, teremos expositores
só de Viana do Castelo”, acrescenta António Cruz.
A feira vai decorrer de 07 a 18 de agosto das 16:00 às 22:00, passando de 19 a 22 de
agosto a ter lugar das 10:00 às 24:00.


A Feira-Exposição de Artesanato das Festas de Nossa Senhora d’Agonia remonta a
1917, quando se realizou a primeira exposição de lavores regionais, chegando aos dias
de hoje como um evento âncora da cidade, com dezenas de artesãos.
A sua abertura, em pleno centro de cidade, antecede, como habitualmente, o arranque
da Romaria, que este ano vai continuar condicionada na realização de eventos
presenciais pelas restrições impostas pela pandemia de covid-19, embora com a
previsível realização de alguns eventos ao vivo.


Paralelamente, a mostra digital da Feira de Artesanato das Festas de Nossa Senhora
d’Agonia, lançada em 2020 para colmatar a ausência deste evento devido à pandemia,
vai continuar disponível.