Altominho.tv

PJ detém dois jovens suspeitos de incendiar e furtar em Ponte de Lima

A Polícia Judiciária (PJ) de Braga deteve em Ponte de Lima, distrito de Viana do Castelo, dois jovens de 23 e 20 anos pela alegada prática dos crimes de incêndio, furto e danos qualificados, foi hoje divulgado.


Em comunicado, o Departamento de Investigação Criminal da PJ de Braga adiantou que os dois homens “atuaram num quadro de vingança”.


O caso ocorreu “na noite de 02 para 03 de dezembro de 2020, numa freguesia do concelho de Ponte de Lima”, sendo que os dois homens, “após terem entrado num estaleiro de obras que se encontrava vedado, se introduziram num contentor de metal que servia de arrecadação e escritório, de onde furtaram vários materiais de construção”.


“Depois, derramaram um líquido inflamável no interior do contentor, e com recurso a chama direta, atearam fogo a esse líquido. Rapidamente as chamas se propagaram a todo o contentor, destruindo-o por completo”, especifica a PJ.


Segundo aquela força policial, com recurso a um objeto metálico, os dois jovens detidos na terça-feira “provocaram danos avultados numa retroescavadora que se encontrava parqueada no interior do estaleiro, sendo que a mesma ficou, igualmente, em risco de incêndio”.


A investigação da PJ permitiu “a recolha e consolidação de substanciais elementos de prova, que conduziram à detenção fora de flagrante delito”.