Altominho.tv

Morreram dois idosos que recebiam apoio domiciliário do centro de dia de Vilarelho

Morreram dois dos idosos que recebiam apoio domiciliário do centro de dia de Vilarelho, no concelho de Caminha, onde há ainda mais sete utentes e sete funcionárias infetados.

Em declarações ao Jornal C, a diretora técnica da instituição, Débora Silva, explicou que “os dois utentes faleceram no último sábado”, tratando-se de uma idosa, que faleceu em casa, e de um idoso, no hospital.

Do total de 44 utentes que usufruem do serviço domiciliário, seis testaram positivo ao novo coronavírus. Segundo aquele jornal, entre esses casos há a lamentar as duas mortes e “uma utente permanece hospitalizada com um quadro clínico estável”.

Entre os idosos que frequentavam o centro de dia, há três utentes, duas delas internadas, que estão infetadas. “As três utentes infetadas, além de frequentarem o centro de dia, têm apoio do serviço no domicílio”, disse anteriormente a diretora da instituição à Lusa.

A instituição tem 18 funcionárias, três trabalham no centro de dia e 15 prestam apoio domiciliário, sendo que destas últimas o número de infeções aumentou de quatro para sete. O serviço de apoio domiciliário está agora a ser assegurado por 11 funcionárias que não contraíram o vírus.

O centro de dia está encerrado e “só reabrirá quando a autoridade de saúde autorizar”.

O surto foi descoberto no início do mês, depois de quatro funcionárias terem apresentado testes com resultado positivo.