Altominho.tv

Bombeiros voluntários vão ter mais Equipas de Intervenção Permanente

As corporações de bombeiros voluntários vão ter, a partir de 1 de junho, mais 79 Equipas de Intervenção Permanente (EIP), passando o país a dispor de um total de 170 EIP, indica a Diretiva Operacional Nacional (DON).

Segundo a DON, que estabelece o Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais (DECIR) para 2018, as 79 novas EIP, constituídas por cinco elementos que estão em permanência nos quartéis de bombeiros para ocorrer a qualquer situação de urgência e emergência registada no concelho, totalizam 395 operacionais.

Com estas novas EIP, os bombeiros voluntários passam a ter 170 Equipas de Intervenção Permanente, compostas por 850 elementos profissionais.

Os bombeiros dos distritos da Guarda, Lisboa e Vila Real são aqueles que vão ter mais novas equipas, oito em cada um, seguido de Viana do Castelo e Viseu com sete. Os bombeiros do distrito de Lisboa não têm atualmente qualquer EIP.

A DON indica que é no distrito de Aveiro que existe o maior número destas equipas profissionais dos bombeiros voluntários, num total de 23.

Redes Sociais

Mais de 40.000 pessoas acompanham a Altominho.tv nas principais redes sociais. Junte-se à nossa comunidade no Facebook, Twitter, Youtube e Instagram.
Acompanhe-nos nesta viagem pelo Alto Minho!