Altominho.tv

Lançado o concurso público para a concessão da Casa do Outeiro

Foi lançado o concurso público para a concessão da Casa do Outeiro, no âmbito do Programa REVIVE, com o presidente da Câmara de Paredes de Coura a enfatizar que “o turismo é PIB, emprego, coesão social e felicidade. O turismo é uma atividade económica estratégica para o desenvolvimento económico e social do país, designadamente para o emprego e para o crescimento das exportações”, sublinhou.

Nesta iniciativa online que contou com a presença da secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, do presidente da CCDR-N, António Cunha, e da representante do Turismo de Portugal, Teresa Monteiro, o presidente da Câmara de Paredes de Coura, Vitor Paulo Pereira, defendeu que “o desenvolvimento inteligente é sempre consequência da convergência de um conjunto de políticas que levam à criação de emprego.

O emprego é o vento social que traz paz, serenidade e estabilidade às famílias, ao mesmo tempo que faculta os meios para dar aos seus filhos uma melhor educação e um acesso mais fácil à cultura. Condição essencial para a mobilidade social ou para uma sociedade mais dinâmica, mais igual e mais justa”.

O autarca de Paredes de Coura relembrou o “milagre económico” no seu concelho, traduzido pelo crescimento de 700% entre 2013 e 2015: “Em 2013 Paredes de Coura registava um volume de exportação de 7.000.000€ que, em 2015, ascendeu a 50.000.000 €, e hoje temos um volume de exportação próximo dos 100.000.000 €.

Entre os anos de 2014 e 2018 registamos um crescimento de 14% da população ativa do concelho, de acordo com os dados divulgadas pelo INE, e ainda de acordo com este documento do Instituto Nacional de Estatística o número total de pessoas ao serviço de empresas no Concelho de Paredes de Coura aumentou 40,3%”.