Altominho.tv

Reabilitação de 4,1 ME em escola de Arcos de Valdevez inaugurada na quarta-feira

A requalificação da Escola Básica 2,3/S de Arcos de Valdevez, com cerca de 30 anos e 1.200 alunos, vai ser inaugurada na quarta-feira, após um investimento superior a 4,1 milhões de euros, informou hoje o presidente da Câmara. 

Em declarações à agência Lusa, o social-democrata João Manuel Esteves adiantou que a obra, que se prolongou durante dois anos, implicou um investimento municipal de 1,2 milhões de euros e financiamento comunitário de cerca de 2,7 milhões.

“Foi uma intervenção profunda com o objetivo de criar condições a alunos e professores. Agora é uma escola virada para o futuro, dotada das ferramentas necessárias para que alunos e professores enfrentem os desafios do futuro”, afirmou João Manuel Esteves.

O presidente da Câmara de Arcos de Valdevez, no distrito de Viana do Castelo, sublinhou a importância da empreitada realizada no edifício, que estava em “avançado estado de degradação”, e a colaboração da toda comunidade educativa, que permitiu “conciliar” os trabalhos de requalificação com as aulas. 

“Foram dois anos de obras que foram realizadas faseadamente para não afetar o normal funcionamento das aulas”, destacou.

A cerimónia de inauguração da requalificação da escola básica está marcada para quarta-feira, às 15:00, com a presença anunciada do primeiro-ministro, António Costa, e do ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues.

A intervenção agora concluída permitiu dotar o estabelecimento de ensino com 135 espaços de ensino, educação, cultura, sociais, de gestão e administração escolar, entre outros.

A escola nunca foi alvo de alguma manutenção que “atenuasse o desgaste das estruturas devido aos anos de vida dos edifícios e sua consequente utilização”. 

A intervenção incluiu “a substituição da cobertura em fibrocimento por painel ‘sandwich’, o que, além de cumprir a função impermeabilizante, melhorará significativamente o comportamento térmico e a eficiência energética dos edifícios”.

Foi também colocado um sistema de aquecimento.

A requalificação incidiu no pavilhão polivalente, nos blocos I, II e oficina, e incluiu a colocação de mobiliário escolar, material didático, mobiliário e equipamento técnico de laboratório e equipamento informático e multimédia.

A empreitada “criou condições de segurança e de acessibilidade a pessoas com mobilidade reduzida”. 

Já o auditório, com capacidade para 180 lugares sentados, “contempla uma área com bancada retrátil, permitindo a fácil utilização desse espaço para várias atividades em simultâneo”, sendo que “todos os edifícios serão interligados por passagens cobertas”.

Segundo a Câmara, a obra “completa as intervenções na rede de equipamentos escolares do concelho”, após a reabilitação efetuada nas escolas básicas de Távora Santa Maria e Eira do Penedo – Soajo. 

Fonte: Lusa

Redes Sociais

Mais de 50.000 pessoas acompanham a Altominho.tv nas principais redes sociais. Junte-se à nossa comunidade no Facebook, Twitter, Youtube e Instagram.
Acompanhe-nos nesta viagem pelo Alto Minho!

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com