Altominho.tv

Rede de Centros de Ciência Viva apresenta novo circuito

A Rede de Centros de  Ciência Viva, na sua nova edição, apresenta, além de um novo guia, um novo destino, que é Arcos de Valdevez, anunciou hoje a autarquia em comunicado.

“Na nova edição dos ‘Circuitos Ciência Viva’, além de um novo guia, há também um novo destino – Arcos! A partir de agora, a ciência também vos traz a Arcos de Valdevez… Onde Portugal se fez!”, lê-se na nota enviada.

Nesta nova edição dos ‘Circuitos Ciência Viva’ pode descobrir-se o Centro Ciência Viva de Arcos de Valdevez, conhecer quem foi o cientista português Padre Himalaya, provar uma das 7 Maravilhas Doces de Portugal e também viajar até ao período barroco do Centro Interpretativo dedicado ao tema, entre outros.

Tendo como ponto de partida os 21 Centros Ciência Viva, estes circuitos permitem “descobrir Portugal à boleia de uma programação previamente pensada que reúne o melhor de cada localidade onde se encontra um Centro Ciência Viva”.

A cada circuito estão associados parceiros, quer de alojamento, restauração, ciência e cultura, e são estes parceiros que vão tornar as viagens “mais divertidas, enriquecedoras e acessíveis”.

Com um cartão, um guia e uma aplicação (kit), os Circuitos oferecem entrada gratuita nos 21 Centros Ciência Viva e descontos em “mais de 300 parceiros”. As pessoas podem ainda aceder aos conteúdos digitais do Guia na aplicação, bem como a mapas interativos, desafios e partilha de experiências e fotos.

O cartão tem a validade de um ano, um custo de 60 euros e abrange dois adultos ou um casal com filhos até aos 17 anos. É também extensível a filhos entre os 18 e os 25 anos, mediante o pagamento adicional de 10 euros por cada um.

O kit pode ser adquirido em qualquer Centro Ciência Viva, incluindo o Centro Ciência Viva dos Arcos – Oficinas de Criatividade Himalaya.