Altominho.tv
MUNICÍPIO DE MONÇÃO

Monção tem escultura em homenagem ao folclore

O município de Monção prestou uma homenagem ao folclore do concelho com a inauguração da escultura “Corpo de Dança”, da autoria de Pedro Figueiredo.

De acordo com o município, o artista responsável pela conceção da obra “esteve em residência artística pelas aldeias de Monção, onde mergulhou nas danças e cantares dos agrupamentos folclóricos locais, visando captar um movimento de par identificativo da essência desta tradição secular e dos seus guardadores de memória”.

“A peça “Corpo de Dança”, executada em metal, assenta num suporte arredondado de granito de Merufe. Nela, um homem e uma mulher, ele com as castanholas, ela com os braços no ar, ambos com os trajes típicos, transmitem uma imagem fiel do movimento caraterístico de quem está a dançar folclore”, descreve a autarquia na nota enviada esta terça-feira à imprensa.

Inaugurada a 12 de março, dia em que se comemorou o feriado municipal de Monção, a peça escultórica está localizada junto ao Baluarte de São Bento, na Avenida das Caldas. Já o processo criativo pode ser visualizado no Museu Monção & Memória, constituindo-se como o “ponto de partida para uma visita à escultura e às aldeias de Monção, absorvendo a vivência comunitária e a sonoridade folclórica, que inspirou o autor, Pedro Figueiredo, na criação desta obra”.

MUNICÍPIO DE MONÇÃO

A escultura foi criada no âmbito do Programa de intervenções Artísticas e Comunidade, denominado “No Minho não há aldeia melhor do que a minha”, projeto promovido pelo Consórcio Minho IN, o qual integra os 24 municípios do Minho, tendo a curadoria de Helena Mendes Pereira.