Vinhos de Monção e Melgaço à conquista de Nova Iorque

A Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes (CVRVV) realiza esta sexta-feira uma ação promocional em Nova Iorque, nos Estados Unidos, dedicada exclusivamente à sub-região de Monção e Melgaço.

A ação dirige-se a jornalistas norte-americanos, nomeadamente ligados a meios digitais influentes, e compreende “um almoço de harmonização com vinhos da sub-região dos produtores Adega Cooperativa e Regional de Monção, PROVAM e Quinta do Soalheiro”, segundo informou a CVRVV em nota enviada à agência Lusa.

Os três produtores apresentarão “algumas das principais referências para harmonizar com as propostas gastronómicas” de um “chef” local, naquela que é a primeira iniciativa promocional da sub-região de Monção e Melgaço, conhecida sobretudo pelos seus vinhos da casta alvarinho.

O encontro com a imprensa integra-se no programa “Vinho Verde Wine Experience” que, há três anos, a CVRVV definiu para o mercado norte-americano, principal destinado das exportações de vinho verde.

“Após uma década a estabelecer uma rede de importadores e uma vasta oferta de marcas, a Vinho Verde Wine Experience foi projetada para impactar diretamente o consumidor final, contando com a presença 15 produtores da Região”, referiu a Comissão.

Os Estados Unidos são “um mercado estratégico para a Região dos Vinhos Verdes tendo representado, em 2018, 5,1 milhões de litros vendidos e 13,3 milhões de euros, “o equivalente a 20 por cento das exportações de vinho verde. 

Monção e Melgaço distinguem-se na Região pela forte produção de vinho alvarinho, sendo os dois municípios considerados o “território berço” da casta.

Fonte: Lusa