Barras de Caminha e Vila Praia de Âncora fechadas devido à agitação marítima

Sete barras marítimas de Portugal continental estão hoje fechadas a toda a navegação e outras duas estão condicionadas devido à previsão de ondulação forte, segundo a Autoridade Marítima Nacional (AMN).

As barras de Caminha, Esposende, Vila Praia de Âncora, Póvoa do Varzim, Vila do Conde, São Martinho do Porto e Ericeira são as barras que estão fechadas a toda a navegação devido à agitação marítima.

Segundo a AMN, a barra de Aveiro está condicionada a embarcações de comprimento fora a fora inferior a 15 metros.

A AMN destaca ainda que a barra de Lagos está condicionada a embarcações com calado superior a dois metros, podendo ser praticada “com uma profundidade de água superior a meia maré”.

Por causa da agitação marítima, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou sob aviso amarelo os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Coimbra, Leiria e Lisboa até às 18h00 de hoje.

Segundo o IPMA, o aviso amarelo, o segundo menos grave, revela situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

O IPMA prevê para hoje na Costa Ocidental a norte do Cabo Raso ondas de noroeste com 04 a 05 metros, diminuindo para 03 a 3,5 metros a partir do final da tarde.

Para a Costa Ocidental a sul do Cabo Raso estão previstas ondas de noroeste com 3,5 a 04 metros, diminuindo para 2,5 a 03 metros a partir do final da tarde.

Na Costa Sul prevê-se ondas de sudoeste com 01 a 1,5 metros.

Fonte: Lusa

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com