Altominho.tv

Município de Ponte de Lima manifesta “o mais profundo sentimento de pesar” pela morte inesperada de D. Anacleto

O Município de Ponte de Lima manifestou “o mais profundo sentimento de pesar” pela morte inesperada de D. Anacleto Cordeiro Gonçalves de Oliveira (1946-2020).

Em nota enviada à Comunicação Social, a autarquia refere que “Trata-se de uma perda irreparável para a Diocese de Viana do Castelo e para a Igreja Portuguesa, o desaparecimento deste Prelado que há dez anos a Santa Sé nomeou Bispo Titular da Diocese de Viana do Castelo e que ainda recentemente celebrou o Jubileu Sacerdotal”.

“Neste momento tão doloroso, em que endereçamos as mais sentidas condolências à família de D. Anacleto Oliveira, reconhecemos o papel a todos os níveis meritório de D. Anacleto de Oliveira, nos campos da liturgia e da espiritualidade, assim como na interpretação e tradução do texto bíblico”, refere a nota enviada pela Câmara de Ponte de Lima.

“Recordamos, sobretudo, a sua bondade, o seu espírito altruísta e conciliador,
como grande cristão que era, a sua preocupação constante em contactar com as
comunidades católicas e com a população perante quem se sentia um verdadeiro
Pastor”, disse ainda a autarquia liderada por Victor Mendes.

O Bispo da Diocese de Viana do Castelo faleceu esta sexta-feira, na sequência de um acidente de automóvel.