Empresa Aromáticas Vivas de Viana do Castelo premiada com três medalhas de ouro

As ervas aromáticas da empresa Aromáticas Vivas, com sede em Viana do Castelo, foram premiadas, pelo sexto ano consecutivo, com medalha de ouro no 6º Concurso Nacional de Ervas Aromáticas Tradicionais Portuguesas, organizado pelo Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas (CNEMA) e pela Qualifica.

Na edição deste ano, foi a vez do cebolinho e erva azeda receberem esta primeira distinção, a par do manjericão que recebe a medalha desde há seis anos.

A contar com medalhas e prémios desde 2014, a Aromáticas Vivas tem vindo a distinguir-se na categoria de Ervas Aromáticas Frescas deste concurso, onde se incluem também as provas nacionais de produtos tradicionais portugueses.

Com o objetivo principal de “premiar, promover, valorizar e divulgar as ervas aromáticas tradicionais, genuínas e exclusivamente produzidas em Portugal” – conforme referido no regulamento – o concurso vai já na sua 6ª edição e contará com a habitual presença da Aromáticas Vivas na próxima Feira Nacional de Agricultura, a realizar-se em junho de 2019, para a entrega das medalhas.

A Aromáticas Vivas completa, em 2019, dez anos de existência e comercializa ervas aromáticas frescas, em vaso e cortadas, para todo o país, especialmente nas grandes superfícies. Todos os anos, a empresa tem aumentado as suas vendas e infraestruturas e no ano de 2018 produziu mais de cinco milhões de vasos e 800 toneladas de ervas aromáticas cortadas. Em 2019, conta aumentar a sua quota de mercado e introduzir uma nova gama de produtos, os microgreens.

Redes Sociais

Mais de 50.000 pessoas acompanham a Altominho.tv nas principais redes sociais. Junte-se à nossa comunidade no Facebook, Twitter, Youtube e Instagram.
Acompanhe-nos nesta viagem pelo Alto Minho!

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com