GNR detém 16 pessoas no Alto Minho, dez por conduzirem alcoolizadas

A GNR deteve, na última semana, em flagrante delito, no distrito de Viana do Castelo, 16 pessoas, 10 por condução sob efeito do álcool, duas por detenção ou tráfico de armas proibidas, uma por condução sem habilitação legal e uma por tráfico de estupefacientes.

Em comunicado, com o balanço da atividade operacional da semana de 4 a 10 de março, o Comando Territorial da GNR de Viana do Castelo revelou ainda ter apreendido quatro doses de haxixe, quatro armas de fogo, duas armas brancas e um motociclo.

Naquele período, os militares da GNR detetaram 328 infrações de trânsito, destacando 106 foram por excesso de velocidade, 19 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças, 16 por falta de inspeção periódica obrigatória, 16 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei e 14 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução.

A GNR contabilizou ainda, nesta semana, 48 acidentes de viação de que resultaram um ferido grave e 16 ligeiros.